Atendimento (51) 3403-1155 08h30 às 18h30
Livro Análise Econômica e Social de Projetos Florestais
  • Livro Análise Econômica e Social de Projetos Florestais

Livro Análise Econômica e Social de Projetos Florestais

Categoria: Silvicultura

ISBN: 978-85-7269-467-4

Quantidade Disponivel: 0 Un

Produto Indisponível
Unidade: Un
Un

Por R$ 106,00

à vista R$ 100,70 economize 5% no Depósito Bancário

Frete e Prazo

Simule o frete e o prazo de entrega estimados para sua região:

A época romântica dos recursos florestais inesgotáveis é página virada da história, pois esses recursos estão cada vez mais escassos, requerendo, portanto, técnicas que norteiem constantemente os manejadores florestais e executivos da área em suas decisões.

Essas técnicas já não são mais simples profecias ou doutrinas, mas a aplicação de métodos racionais que devem embasar as ações administrativas ou de planejamento. A economia é a ciência que objetiva contribuir em situações de recursos escassos e fins alternativos. É a ciência “do que é possível fazer” e não “do que é preciso fazer”. Na área florestal, portanto, o ensino de economia não pode prescindir do domínio das técnicas de avaliação de projetos e da teoria da matemática financeira.

Esta terceira edição trata da matemática financeira, teoria dos juros, formulação, avaliação e localização de projetos florestais. Trata, ainda, da Análise de Custo-Benefício, que mostra a avaliação de projetos, do ponto de vista social; caracteriza os principais produtos não madeireiros ou não comercializáveis; descreve o papel do governo na sociedade; e aborda a natureza dos bens públicos e externalidades. A obra apresenta também diversos exemplos práticos e úteis, para não permitir lacuna entre a teoria e a prática.

O livro se destina, portanto, a docentes, estudantes de graduação e pós-graduação, pesquisadores e profissionais de ciência florestal e áreas afins, constituindo também referência para administradores e executivos dos setores agrícola e florestal que tenham conhecimentos básicos de matemática e facilidade para interpretar gráficos e tabelas.

Acabamento: Brochura

Ano: 2013

Autor: José L. P. Rezende, Antônio D. Oliveira

Edição: 3

Editora: UFV

ISBN: 978-85-7269-467-4

Páginas: 386

PARTE I
MATEMÁTICA FINANCEIRA

CAPÍTULO 1
CAPITALIZAÇÃO PERIÓDICA 18
 
Juros 18
Taxa de Juros 19
Sistema de Capitalização 19
Período de capitalização  19
Diagramas de Capital no Tempo 20
Regime de Juros Simples  21
Montante  22
Representação gráfica de juros simples  23
Taxa proporcional  24
Taxas equivalentes  25
Períodos de tempo não inteiros  26
Regime de Juros Compostos  28
Montante  28
Representação gráfica dos juros compostos  30
Taxa de juros nominal e real 32
Taxas equivalentes 36
Períodos não inteiros  38
Séries de Pagamento  39
Modelo básico da série de pagamentos 41
Valores atual e final de séries periódicas constantes  41
Série temporária imediata  42
Série perpétua imediata  50
Valores atual e final de séries periódicas variáveis  56
Série temporária imediata  56
Série perpétua imediata  63
Exercícios Propostos  70
Referências 84
 
CAPÍTULO 2
CAPITALIZAÇÃO CONTÍNUA 86
 
Taxa de Juros  86
Período de Capitalização  86
Sistema de Capitalização  86
Capitalização contínua  87
Critério de aproximação  89
Taxas de Juros Variáveis com o Tempo em Capitalização Contínua 92
Taxas Equivalentes  93
Equivalência de taxas em juros simples e capitalização contínua  93
Equivalência de taxas em capitalização periódica e capitalização contínua 94
Evolução do Capital de Acordo com os Regimes e Sistemas de Capitalização 96
Parcelas em Capitalização Contínua  99
Temporárias e perpétuas  99
Periódicas e não periódicas  99
Constantes e variáveis 99
Imediatas e diferidas 99
Parcelas temporárias constantes e imediatas 100
Primeira parcela no final do primeiro período de tempo 100 
Primeira parcela no início do primeiro período de tempo 107
Parcelas temporárias, constantes, diferidas 110
Parcelas temporárias variáveis 112
Período de ocorrência das parcelas igual ao período de referência da taxa de juros  113
Período de ocorrência das parcelas diferente do período de referência da taxa de juros  119
Parcelas perpétuas constantes  126
Parcelas imediatas  126
Parcelas diferidas  130
Parcelas perpétuas variáveis  131
Primeira parcela no final do primeiro período de tempo  131
Primeira parcela no início do primeiro período de tempo  133
Exercícios Propostos  136
Referências 137
Apêndice 2A 139
Apêndice 2B 141
 
PARTE II
ANÁLISE ECONÔMICA DE PROJETOS FLORESTAIS

CAPÍTULO 3
FORMULAÇÃO DE PROJETOS 146
 
Condições Gerais ou Macrocondições 147
Objetivos  147
Localização do projeto 149
Caracterização bioclimática da região  150
Infraestrutura da região  152
Insumos necessários  154
Mercado de insumos  154
Mercado do produto  155
Cronograma de implantação  156
Infraestrutura  157
Condições Específicas ou Condições Micro do Projeto  157
Localização específica do projeto  159
Estabelecimento da infraestrutura  159
Aspectos silviculturais  160
Manutenções anuais  161
Colheita florestal  161
Estimatica de custos e receitas  161
Avaliação econômica  162
Conclusões  163
 
CAPÍTULO 4
CRITÉRIOS DE AVALIAÇÃO 164
 
Relação Entre Projetos  167
Testes de Viabilidade de Projetos de Investimento  168
Viabilidade técnica (Engenharia)  168
Viabilidade econômica  168
Viabilidade financeira  169
Viabilidade social  169
Viabilidade política  169
Horizonte de Planejamento  169
Determinação do Horizonte de Planejamento  170
Métodos de Avaliação de Projetos  172
Métodos que não consideram o valor do capital no tempo  172
Métodos que consideram a variação do valor do capital no tempo 179
Problemas de Durações Diferentes na Comparação de Projetos  209
Mínimo Múltiplo Comum (MMC) das durações dos projetos (reaplicação dos investimentos)  211
Adoção de valor residual (VR) para o projeto de maior duração no final da vida do projeto de menor duração  215
Benefício (custo) periódico equivalente (B(C)PE)  217
Avaliação do curso de ação no horizonte de planejamento do projeto de duração mais longa  218
Taxa interna de retorno (TIR)  221
Conclusões  222
Exercícios Propostos  223
Referências 227
 
CAPÍTULO 5
LOCALIZAÇÃO DE PROJETOS 230
 
Introdução  230
Teoria da Localização  231
Tipos de Orientação Locacional de Projetos  232
Projetos orientados para o mercado de produtos  232
Projetos orientados para as fontes de insumos  233
Projetos orientados para pontos intermediários entre as fontes de insumos e o mercado de produtos  234
Projetos com orientação independente  234
Forças Locacionais  234
Categoria 1: custos de transferência ou custos de fretes  235
Categoria II: disponibilidade e custos relativos dos insumos  237
Categoria III: outros fatores relacionados com a localização  241
Aplicação Prática  245
Referências 268
 
CAPÍTULO 6
CONSIDERAÇÕES SOBRE O MÉTODO DE FAUSTMANN OU VALOR ESPERADO DA TERRA 271
 
Antecedentes  271
Pressuposições do Método de Faustmann  275
O Método  275
Críticas ao Método de Faustmann 282
Diferenças entre o VET e o VPL¥  286
Referências 290
 
PARTE III
ANÁLISE SOCIAL DE PROJETOS

CAPÍTULO 7
O PAPEL DO GOVERNO 294
 
Evolução do Papel do Governo  295
Pensamento clássico  295
Pensamento neoclássico  296
Pensamento contemporâneo  296
Razões para a intervenção governamental  297

Avaliação dos Clientes
  • Nenhum comentário foi postado para esse produto, seja o primeiro!